Combustíveis aumentaram hoje e voltam a subir para a semana

Publicado a 10/04/2010, 04:46 por Web Admin   [ atualizado a 10/04/2010, 04:58 ]

Os preços dos combustíveis em Portugal voltaram a subir esta madrugada e a evolução dos mercados antecipa um novo incremento na próxima semana.

A Galp aumentou esta madrugada o preço do litro do gasóleo e da gasolina em 1 cêntimo e 0,5 cêntimos, respectivamente, disse ao Económico fonte da empresa. Nos postos da petrolífera nacional o preço de referência do 'diesel' passou a ser de 1,179 euros, enquanto que o de gasolina ascende agora a 1,429 euros. Os preços variam, contudo, de postos para posto.

Na BP os combustíveis já subiram três vezes desde sexta-feira passada. O preço do litro do gasóleo subiu hoje 2 cêntimos para 1,199 euros e a gasolina aumentou para 1,445 euros, mais 0,6 cêntimos.

Isto numa altura em que decorrem negociações entre as transportadoras e o Governo, para que este tome em consideração a "grave perda de competitividade" do sector, uma situação gerada, sobretudo, pelo aumento do preço dos combustíveis que já sobem há mais de dois meses.

Se as negociações não derem resultados, as transportadoras admitem convocar uma paralisação semelhante à que ocorreu no Verão de 2008. A decisão será tomada a 24 de Abril.

Preços vão continuar sob pressão

E se esta semana os preços dos combustíveis subiram por diversas vezes, a próxima semana não será muito diferente. Pelo menos a avaliar pelo comportamento dos mercados internacionais, que está já a antecipar novos aumentos da gasolina e também do gasóleo.

Os preços praticados pelas gasolineiras têm como base a cotação média da gasolina e do gasóleo na semana anterior. Tendo em conta que, segundo dados da Bloomberg, ambos subiram esta semana - 1,47% e 1,74% respectivamente - prevê-se por isso um novo aumento dos preços dos combustíveis a partir de segunda-feira.

A influenciar a subida da matéria-prima está o aumento do petróleo nos mercados internacionais, que superou já a barreira dos 86 dólares por barril esta semana, a subida dos produtos refinados e ainda a valorização do dólar face ao euro.
 
Fonte: Económico (em 09 de Abril de 2010) – Por Rita Paz
Comments